Autocolante "25 de Abril, Dia de Liberdade"

Documento/Processo

1º de Maio de 1974

Documento/Processo, 1974/05/01 – 1974/05/01

Multidão deslocando-se a pé de Vila Nova de Gaia em direção ao Porto, atravessarndo o tabuleiro superior da Ponte Luís I, para as comemorações do Dia do Trabalhador.

40 Anos de Liberdade | Exposição comemorativa do 25 de abril de 1974

Documento/Processo, 2014/04/24 – 2014/11/28

Inserida no plano de comemorações da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia, em 2014, o objetivo desta exposição é enquadrar na atualidade o 25 de abril de 1974, cerca de quarenta anos depois de ocorrido. A pretensão desta comemoração, aqui materializada numa exposição, centra-se, sobretudo, num ato de apresentação diacrónica das conjunturas políticas, sociais e económicas que caraterizaram o País antes e depois daquela data. Trata-se de compreender o 25 de abril através do seu sentido à luz da História, facto que só é viável quando se faz essa “arqueologia” do País. Uma data pode significar um ponto de viragem na História de um Povo. É, pois, absolutamente necessário revisitar e interpretar esse passado para se aquilatar o valor da data em causa. Neste sentido, e quando são já volvidos quarenta anos sobre o 25 de abril de 1974, parece imprescindível apresentar a moldura histórica dos quarenta anos que o precederam, isto é, o Estado Novo. Partindo da natureza da instituição que promove este ato comemorativo, e tendo por base a documentação específica da mesma, o prisma basilar de análise assenta na questão do municipalismo, ou seja, do poder local. Desta forma, procurou-se, evidenciar tanto quanto possível, o quadro de atuação dos municípios, quer no contexto do Estado Novo (Ditadura), quer na nova conjuntura emergente de um Novo Estado (Democracia). Local: Arquivo Municipal Sophia de Mello Breyner (Sala de Exposições, Sala Polivalente, Átrio inferior e Átrio superior) Materiais associados: Painéis, convite, cartaz e desdobrável.

Partilhe com o mundo